DATA DE PUBLICAÇÃO: 27/03/2017
- Diminuir + Aumentar

Missa marcada pela emoção encerrou a Semana Mariana na Arquidiocese de Belém

   
Fotos: Reprodução/ TV Aparecida
 
As programações por ocasião da Semana Mariana encerraram na noite deste domingo, 26, com Santa Missa na paróquia dedicada à Nossa Senhora Aparecida, localizada no bairro da Pedreira, em Belém. O momento foi presidido pelo Arcebispo metropolitano, Dom Alberto Taveira Corrêa, e concelebrada pelo Bispo Auxiliar, Dom Irineu Roman, com transmissão ao vivo para todo o Brasil pela TV e Portal Nazaré e pela Rede Aparecida de Comunicação.
 
Ao iniciar a celebração, Dom Alberto Taveira saudou os presentes dizendo da alegria que sentia “por estar reunido com o povo de Deus naquela que será, daqui para a frente, a ‘igreja guardiã’ da imagem jubilar da padroeira do Brasil”.
 
 
O templo ficou pequeno para a grande multidão que compareceu, e quem não pôde entrar na igreja, acompanhou a transmissão através de um telão instalado na quadra de esportes da paróquia.
 
A liturgia do 4º domingo da Quaresma contemplou o capítulo 9 do evangelho segundo São João, que narra o episódio da cura do cego de nascença. Na homilia, Dom Alberto destacou que Nossa Senhora nos ajuda a enxergar Jesus.
 
“Onde passa Nossa Senhora, em qualquer um dos seus títulos, Ela nos ajuda a olhar para Jesus. Quero pedir com vocês a Nossa Senhora, para que nossos olhos se abram e que Ela ilumine nosso coração e nossos passos para bem vivermos este Ano Mariano.”
 
Gesto simbólico
 
 
Ao final da celebração, em um gesto muito significativo, o Arcebispo abençoou uma porção de terra do Estado do Pará, que foi colocada em um recipiente apropriado e lacrado. A terra será enviada ao Santuário Nacional para compor a Coroa do Jubileu dos 300 anos do achado da imagem da padroeira do Brasil.
 
Dom Alberto explicou a representatividade do momento, dizendo: “Esta terra quer fazer memória da história do povo paraense. Uma terra muitas vezes manchada de sangue, muitas vezes mal distribuída. Queremos pensar no sonho das famílias que tiram o seu sustento da agricultura e trazer nosso desejo de que a vida seja verdadeiramente reconhecida e valorizada”.
 
O Pará foi o 24º Estado brasileiro a enviar a porção de terra que vai compor a coroa. Ainda faltam três: Recife (PE), Porto Velho (RO) e Goiânia (GO). No dia 12 de cada mês é realizada, no Santuário Nacional, uma cerimônia em que a terra dos estados é apresentada para todo o Brasil e depositada na coroa.
 
Após a bênção da terra o pároco de Aparecida, padre Márcio Mota, rezou a oração oficial do Jubileu Mariano. Houve ainda queima de fogos saudando a Mãe Aparecida e emocionando os fiéis.
 
 
Semanas Marianas nas paróquias
 
A paróquia Nossa Senhora Aparecida é oficialmente responsável pela Imagem jubilar da Padroeira do Brasil. A partir do mês de abril, serão realizadas Semanas Marianas nas diversas paróquias da Arquidiocese, incluindo momentos de oração e formação, além da visita da imagem jubilar. No mês de setembro haverá o Simpósio Mariano, aberto a todos os movimentos eclesiais.
 
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade