DATA DE PUBLICAÇÃO: 15/04/2020
- Diminuir + Aumentar

Domingo da Divina Misericórdia no dia 19 de abril

Foto: Reprodução Google.
 
O primeiro domingo após a Páscoa do Senhor, este ano dia 19 de abril, a Igreja celebra a Festa da Divina Misericórdia. Um pedido de Jesus à Santa Faustina, apóstola, secretária e testemunha da Divina Misericórdia escolhida por Ele.
 
O pedido foi feito em uma de suas aparições à Santa Faustina, ela relatou no intitulado Diário de Santa Faustina todos os diálogos que teve com Jesus. Sobre a Festa da Divina Misericórdia, Ele disse: “Eu desejo que haja a Festa da Misericórdia. Quero que essa Imagem, que pintarás com o pincel, seja abençoada solenemente no primeiro domingo depois da Páscoa e esse domingo deve ser a Festa da Misericórdia” (Diário, 49).
 
No dia 22 de fevereiro de 1931, Santa Faustina teve a visão de Jesus Misericordioso em sua cela e Ele pediu que ela fizesse uma pintura da imagem que estava diante de si. Ela relata este momento no número 47 do Diário: “Pinta uma Imagem de acordo com o modelo que estás vendo, com a inscrição: Jesus eu confio em Vós. Desejo que esta Imagem seja venerada primeiramente na vossa capela e depois no mundo inteiro. Prometo que a alma que venerar esta Imagem não perecerá. Prometo também, já aqui na terra, e especialmente, na hora da morte, a vitória sobre os inimigos. Eu mesmo a defenderei como Minha própria glória”. (Diário, 47).
 
Em 30 de abril do ano 2000, o então Papa João Paulo II instituiu a Festa da Divina Misericórdia, incluindo o momento oficialmente no calendário litúrgico da Igreja e decretando que o segundo domingo da Páscoa fosse dedicado a festa. Nesta mesma data, o então Papa João Paulo II também canonizou Santa Faustina.
 
Terço da Misericórdia
 
O Terço da Divina Misericórdia foi ensinado durante uma visão que Santa Faustina teve em 13 de setembro de 1935, como uma oração de súplica. 
 
Inicie rezando: Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!
Reza-se: Pai Nosso, Ave- Maria e Creio
Nas contas do Pai Nosso, reza-se:
Eterno Pai, eu Vos ofereço o Corpo e o Sangue, a Alma e a Divindade de Vosso diletíssimo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nossos pecados e do mundo inteiro.
 
Nas contas das Ave-Marias, reza-se:
Pela Sua dolorosa Paixão, tende misericórdia de nós e do mundo inteiro. (10 vezes)

Ao final do terço, reza-se:
Deus Santo, Deus Forte, Deus Imortal, tende piedade de nós e do mundo inteiro. (3 vezes)
 
Prepara-se seu cantinho de oração em sua casa e reze com sua família neste Domingo da Misericórdia. O terço da Misericórdia é uma oração diária que você também pode realizar em família, às três horas da tarde, como pediu Jesus a Santa Faustina: “Todas as vezes que ouvires o bater do relógio, às três horas da tarde, deves mergulhar toda na Minha misericórdia, adorando-a e glorificando-a. Implora a onipotência dela em favor do mundo inteiro e especialmente dos pobres pecadores, porque nesse momento [a misericórdia] foi largamente aberta para toda a alma” (Diário, 1572).
 
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade