DATA DE PUBLICAÇÃO: 08/06/2018
- Diminuir + Aumentar

Igreja celebra o Sagrado Coração de Jesus

 
 
A Igreja comemora com toda pompa e devoção nesta sexta-feira (8) a Solenidade do Sagrado Coração de Jesus. Tal devoção iniciou ainda na crucificação e morte do Salvador quando, para constatar de que Jesus já havia morrido, o soldado traspassou o lado direito com uma lança, do qual, de acordo com o Evangelho, jorrou sangue e água (cf. Jo 19,34).
 
Via twitter, o Papa Francisco destacou que a devoção ao Sagrado Coração de Jesus nos recorda o amor de Deus.
 
 
Origem
 
 
Em aparição no convento de Paray-Le Monial, na França, à irmã visitandina, Margarida Maria Alacoque, durante a oitava da festa do Corpus Christi do ano de 1675, Jesus manifestou o desejo de que fosse instituída uma festa própria para honrar e reparar o Seu Divino Coração e disse:
 
"Eis o Coração que tanto amou os homens, que nada poupou, até se esgotar e se consumir para lhes testemunhar seu amor. Como reconhecimento, não recebo da maior parte deles senão ingratidões, pelas suas irreverências, sacrilégios, e pela tibieza e desprezo que têm para comigo na Eucaristia".
 
No ano de 1856, após a Revolução Francesa, o Papa Pio IX instituiu a solenidade litúrgica do Sagrado Coração de Jesus, fixada para a sexta-feira seguinte após a Solenidade de Corpus Christi. Vários pontífices também recomendaram a devoção através de encíclicas: Leão XIII na “Annum Sacrum” (1899), deixou-nos a Oração para consagração ao Sagrado Coração. Pio XI na “Miserentissimus Redemptor” (1928); Pio XII na “Haurietis aquas” (1956); João Paulo II na “Redemptor Hominis” (1979) e Bento XVI em carta ao Pe. Kolvenbach Geral da Companhia de Jesus, destacaram a importância de se recorrer ao Divino Coração do Mestre.
 
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade