DATA DE PUBLICAÇÃO: 16/09/2019
- Diminuir + Aumentar

Abertura da programação para o III Dia Mundial dos Pobres

Fotos: Yêda Sousa - ASCOM Basílica e Setor Juventude.
 
A abertura da programação em preparação para o III Dia Mundial dos Pobres da Arquidiocese de Belém ocorreu com Santa Missa presidida por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém e concelebradas pelos bispos auxiliares Dom Irineu Roman e Dom Antônio de Assis Ribeiro e pelo clero arquidiocesano, na Basílica Santuário de Nazaré, com a participação de movimentos e pastorais da Igreja de Belém.

Dom Antônio destacou a importância do processo de preparação da Igreja de Belém para viver de forma mais efetiva a data em novembro. “É com muita alegria que hoje nós iniciamos um processo de preparação para a III Jornada Mundial dos Pobres. Não basta celebrar aquele dia com uma celebração litúrgica, mas queremos fazer um caminho de preparação nas nossas comunidades, nas nossas paróquias, nas nossas regiões episcopais, nas diversas organizações católicas”.

O Bispo Auxiliar também explicou o papel da Igreja diante da situação: “a pobreza está aí, nós temos muito pobres e uma diversidade de formas de pobreza. A Igreja fiel a Jesus cristo é aquela que continuamente renova a sua opção preferencial pelos mais pobres então com alegria queremos iniciar esse processo e concluí-lo dia 17 de novembro”, concluiu Dom Antônio.

Durante sua homilia, Dom Alberto refletiu acerca da caridade e sua importância para ajudar a superar a pobreza.  “Ninguém é tão pobre que não tenha nada pra dar.Tão rico que não tenha nada a receber”.
 
Mesa redonda com representantes da Arquidiocese de Belém.
 
Após a celebração eucarística, a programação seguiu na Casa de Plácido, no Centro Social de Nazaré, com mesa redonda com a participação de diversos representantes da Arquidiocese de Belém.

“A iniciativa do Papa Francisco é para levantar a luz e o clamor cada ano para que a sociedade toda tome consciência da riqueza, que é a experiência da caridade, da partilha, como eu lembrava na Santa Missa”, enfatizou o Arcebispo de Belém durante a mesa redonda.

Para o Diácono Raimundo Nonato, presidente Cáritas arquidiocesana, a expectativa é que todos os organismos vivos da Igreja de Belém participem das atividades e vivam este momento:  Nós temos uma expectativa de todo o povo de Deus nas nossas regiões episcopais por isso nós queremos aqui fazer um convite a todas nossas paróquias, nossas regiões para que possam participar de todos os momentos que estaremos fazendo essa sensibilização, ou seja, temos esse itinerário até 17 de novembro, onde várias atividades irão acontecer”, finalizou o  diácono Raimundo.
 
Atividades nas regiões episcopais em preparaçaõ para a IIII Jornada Mundial dos Pobres.
 
Entre os participantes estava Karla Tancredi, pertencente ao Movimento Comunhão e Libertação, que vê a ocasião como um momento de união e reflexão: “É de suma importância o evento, porque além de ser um chamado do Papa pra esse olhar que a gente tem que ter com os pobres, é um momento da Igreja toda se unir. É um momento de refletir sobre a pobreza de uma maneira geral”.

A programação em preparação para a III Jornada Mundial dos Pobres visa preparar a Igreja de Belém para a data, marcada para o dia 17 de novembro, e faz parte da celebração de 300 anos de criação da Diocese de Belém do Pará.

No dia 17 de novembro haverá Santa Missa Celebrativa ao Dia Mundial dos Pobres, às 11h, na Catedral Metropolitana de Belém.

Dia Mundial dos Pobres

A data foi instituída pelo Papa Francisco em 2016, Ano Santo da Misericórdia, e a cada ano reflete um tema diferente. “A esperança dos justos jamais se frustrará” é o tema de 2019.

O Dia Mundial dos Pobres é um tempo de ser Igreja em uma ocasião especial para chamar os cristãos e todos os homens de boa vontade a estender a mão aos pobres, cuja dignidade por muitos ainda é ignorada, a fim de que, abertos a este acolhimento, reconheçam e resgatem a condição humana e a filiação divina de cada um.
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade