DATA DE PUBLICAÇÃO: 23/09/2019
- Diminuir + Aumentar

Arquidiocese lança o livro “Orientações Pedagógicas e Pastorais para a Promoção dos Oratórios Paroquiais”

Foto: Divulgação.
 
Nesta quarta-feira, 25, a Arquidiocese de Belém realiza o lançamento do livro “Orientações Pedagógicas e Pastorais para a Promoção dos Oratórios Paroquiais”, às 9h, na Cúria Metropolitana de Belém, localizada na Av. Governador José Malcher,no bairro de Nazaré, em Belém.

A abertura da programação será conduzida por Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém, e por Dom Antônio de Assis Ribeiro, um dos bispos auxiliares de Belém e membro da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB (2019 - 2023).

O livro “Orientações Pedagógicas e Pastorais para a Promoção dos Oratórios Paroquiais” orientará os jovens das paróquias a desenvolverem ações culturais e de evangelização. Como orientações no livro, Dom Antônio, cita que o oratório é uma estratégia e método de atração dos adolescentes e jovens por meio do lazer. “Só é possível educá-los e evangelizá-los se estivermos no meio dos jovens. A proximidade gera afeto que facilita a amizade e a evangelização! Crianças, adolescentes e jovens precisam de espaços de convivência, onde possam se encontrar como amigos com liberdade, confiança e segurança.”.

O objetivo principal da instalação do oratório é a evangelização. Deve-se enfatizar à prática dos valores como respeito/sentido da vida, sede de vida eterna, justiça, paz e solidariedade.  

No dia 25 a programação contará com atividades, apresentações e exibição do minidocumentário “Oratório ambiente que educa, acolhe e evangeliza”.

Oratório

O oratório (vem do vocábulo “oração”) é a experiência da juventude na comunidade paroquial com vivências culturais na música, teatro, dança e esporte. Todas essas atividades, a serem realizadas durante os finais de semana, têm a base da formação evangelizadora no processo educativo-pastoral.

A criação do oratório paroquial visa a cooperação à formação humana e evangelização do público infanto-juvenil, crianças a partir dos oito anos de idade, e seus respectivos familiares.

De acordo com o livro, a música é uma das principais atividades no oratório, onde se destaca a finalidade recreativa, mas também educativa e catequética. “A Arquidiocese de Belém deseja oferecer às crianças, adolescentes e jovens o ambiente adequado que lhes possibilite os meios necessários de prevenção a tantos problemas existentes na sociedade, sabendo que nossa criatividade contribuirá para a sua superação, com serenidade e paz.”, destaca Dom Alberto.

As Orientações

Com o livro em mãos, o animador responsável pelo setor da juventude de cada paróquia, conduzirá a criação dos oratórios seguindo as orientações como: público a ser envolvido, formas de acolhimento, tipos de atividades culturais, agenda de atividades, importância da formação religiosa, elaboração de projeto para o oratório e outras orientações.  

No livro encontram-se os resultados desejados com a promoção do oratório, no que diz respeito, a diminuição da vulnerabilidade infanto-juvenil; redução da criminalidade nos bairros onde se encontra o oratório; elevação da qualidade de vida das crianças e adolescentes e aumento da sensibilidade religiosa dos jovens.

Veja a programação completa do dia 25:

8h - Acolhida
09h - Exibição do minidocumentário “Oratório ambiente que educa, acolhe e evangeliza”
9h10 - Palavra de Dom Alberto Taveira | Dom Antônio de Assis Ribeiro
9h20 - Apresentação do projeto oratório paroquial
9h40 - Apresentação Cultural | Foto oficial | Coquetel


Serviço:

Lançamento do livro “Orientações Pedagógicas e Pastorais para a Promoção dos Oratórios Paroquiais”
Data: 25 de setembro
Horário: 9h
Local: Cúria Metropolitana (Av. Governador José Malcher, nº 915, Nazaré)
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade