DATA DE PUBLICAÇÃO: 12/05/2017
- Diminuir + Aumentar

Jubileu de ouro da Paróquia Nossa Senhora de Fátima em Belém

 
A Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, situada no bairro de mesmo nome, em Belém, está desde o dia 1º deste mês celebrando a festividade em honra à padroeira. Este ano há uma intenção especial no festejo. Isto porque a paróquia comemora o cinquentenário de fundação e nesse sentido haverá no dia 13, sábado, Missa solene na Basílica Santuário de Nazaré, seguida da tradicional procissão luminosa por algumas ruas da capital.
 
Com o tema “O meu Imaculado Coração vos conduzirá até Deus”, a trezena ocorre até o próximo dia 14. A festividade deste ano tem um grande sentido especial, pois integra as comemorações do cinquentenário de fundação da paróquia e o centenário da aparição da padroeira aos três pastorinhos em Portugal. Soma-se a isso a celebração do Ano Mariano, proclamado pelo Papa Francisco e pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.
Para Monsenhor Raimundo da Mata, pároco de Nossa Senhora de Fátima, o jubileu de ouro realiza-se no ensejo de recordar toda a trajetória da comunidade paroquial até o presente momento, fazendo memória das pessoas que contribuíram para a vida paroquial e a ação evangelizadora por meio do culto a Nossa Senhora de Fátima: “É também com espírito de gratidão a todas essas pessoas que tanto se dedicaram para que pudéssemos usufruir o que foi construído e realizado nestes 50 anos”.
 
Ainda segundo ele, a festa também carrega um sentimento de gratidão que impulsiona a comunidade paroquial para os próximos projetos de ação evangelizadora: “O jubileu serve de marco referencial de nossa caminhada para hoje e para os próximos anos no sentido de realizar um trabalho pastoral e evangelizador que corresponda aos apelos dos nossos pastores e saiba dar uma resposta adequada aos desafios do nosso tempo". 
 
"É a nossa missão hoje, buscando identificar-nos e sintonizar-nos com a missão de toda a Igreja e em particular de nossa Arquidiocese que realiza seu trabalho evangelizador como expressão da graça e de sua intrínseca vocação”.
Nesta sexta-feira, 12, o festejo segue com celebrações às 6h30, 12h e 18h. Após a última celebração do dia haverá uma carreata com a imagem de Nossa Senhora de Fátima que seguirá da Matriz Paroquial até a Basílica Santuário de Nazaré. 
 
Trajeto da carreata: Matriz da Paróquia de Fátima, Rua Antônio Barreto, Avenida Alcindo Cacela, Rua Domingos Marreiros, Travessa Castelo Branco, Avenida Governador José Malcher, Avenida Generalíssimo Deodoro, Avenida Nazaré,  chegada à Basílica. 
 
No dia 14, dia das Mães, haverá missa às 6h45, 8h30 e 17h30. Às 19h30, missa solene, seguida da Procissão do Adeus e o encerramento da festividade. Nos dias 12, 13 e 14, ao final da celebração das 19h30, arraial com programação cultural, no estacionamento da Matriz.
 
Procissão luminosa

Considerada um dos principais momentos da festa, a Procissão Luminosa, ou Procissão das Velas, reúne cerca de 200 mil pessoas. Inicialmente, ela acontecia sempre no dia 13 de maio, data em que, também, se iniciava a festividade que, naquele tempo, se estendia até o dia 31. O padre que introduziu a procissão, José de Freitas Leite, teve a ideia após uma visita à Fátima, em Portugal.
 
Nessa ocasião, ele e sua comunidade rezavam o terço e,  ao término das novenas, conduziam, em pequena procissão de velas,  a imagem da Virgem de Fátima à residência de um paroquiano previamente escolhido. Nessa época existia apenas a Comunidade de Nossa Senhora de Fátima.
 
Este ano o cortejo será realizado no sábado, 13, às 18h, após a Missa solene presidida por Dom Alberto Taveira, Arcebispo Metropolitano, e concelebrada por seu auxiliar, Dom Irineu Roman, na Basílica Santuário de Nazaré. A intenção da celebração eucarística é dupla:  comemora o centenário das aparições em Fátima, Portugal, e o cinquentenário de ereção da paróquia. 
 
Para Monsenhor Raimundo da Mata a procissão também comemora, a canonização dos dois pastorinhos Francisco e Jacinta Marto, a serem canonizados, nesse mesmo dia, em Fátima, Portugal: “É um dia especial, de júbilo, de louvor ao Senhor nosso Deus, por tão grandes feitos. Por isso a procissão luminosa, ponto culminante da festa, será realizada no dia 13 para marcar esses três eventos”. 
 
A procissão, que enche as ruas da capital com fiéis iluminando o caminho com velas, fará seu antigo percurso, iniciando-se na Basílica de Nazaré, como acontecia nos primeiros anos dos festejos. Com apoio dos órgãos de segurança pública, o trajeto do dia 13, após deixar a Basílica, seguirá pelas Avenidas Nazaré,  Magalhães Barata, José Bonifácio e Duque de Caxias, rumo à Matriz da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima.
 
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade