DATA DE PUBLICAÇÃO: 07/07/2017
- Diminuir + Aumentar

Missa homenageia Santos juninos

 
A Comunidade de Oração Senhora Sant’Ana, da Paróquia São João Paulo II, no bairro do Souza, celebrou a memória de Santo Antônio, São João e São Pedro com os fiéis da Paróquia São Pedro e São Paulo no dia 30 de junho passado.
 
A celebração, presidida pelo padre Rafael Brito, pároco da Paróquia São Judas Tadeu, aconteceu no Batalhão de Polícia Ambiental (BPA), onde ocorre mensalmente a celebração da Santa Missa com a participação da Comunidade de Oração Senhora Sant’Ana. Naquela ocasião foi apresentado à comunidade paroquial o tenente coronel Fernando Biloia, novo comandante. O oficial disse ter ficado muito feliz por saber que ali há missa mensalmente. Sendo católico, Biloia afirma que trata-se de “uma ação muito importante para nós que trabalhamos com a segurança”. 
 
O novo comandante substitui o coronel Mauro Barba, que foi transferido para outras funções na Polícia Militar do Estado do Pará. Biloia disse que o trabalho de evangelização tem todo o seu apoio, deve continuar e que o BPA recebe de braços abertos e com carinho toda a comunidade, posto que a missa e uma festa, “a festa do evangelho, momentos de graças, de bênçãos e de agradecimentos”.
 
Padre Rafael visitou o BPA pela primeira vez. Ficou bastante entusiasmado com tudo o que viu, com o trabalho desenvolvido no batalhão pela comunidade, e colocou-se à disposição da Paróquia São João Paulo II e também da comunidade Sant’Ana, para dar apoio à evangelização. “Vimos que aqui as pessoas estão entusiasmadas com a missa, com estes momentos importantes de evangelização. Por isso, ações como essa nos deixam bastante felizes”, acrescentou o sacerdote diocesano.
 
Por sua vez, o Diácono Aquino, administrador paroquial de São João Paulo II, - a paróquia está sob responsabilidade do diaconato da Arquidiocese de Belém -, também participou pela primeira vez da missa no BPA, que também é a missa da comunidade e que se surpreendeu com o número de frequentadores. “Sant’Ana é minha padroeira, padroeira da minha cidade natal, sou muito devoto e fico bastante alegre em poder ver que na paróquia que trabalho, há uma comunidade, há um quartel que tem Sant’Ana como patrona. Este é um trabalho forte de evangelização que tem tudo para crescer mais e mais”, destacou.
 
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade