DATA DE PUBLICAÇÃO: 14/07/2017
- Diminuir + Aumentar

Campina e Óbidos festejam Sant’Ana

 
C om o tema "Seguindo Sant’Ana e São Joaquim, pais de Maria, Estrela da Evangelização”, a Paróquia de Sant’Ana da Campina, localizada no bairro do Campina, realiza festividade de 23 a 30 de julho. Na programação, celebrações, novenas, adorações, procissão e atividades sociais. A Paróquia localiza-se na Praça Maranhão, 125.
 
Com 290 anos de evangelização, a paróquia é a segunda mais antiga de Belém, tendo um valor imenso para a cidade, considerando que além do valor religioso que a igreja simboliza, ela é detentora de uma importância tanto histórica quanto cultural.
 
Em mensagem à comunidade o pároco, cônego Joel de Oliveira, destacou a alegria de vinveciar mais uma festividade: “Estamos vivenciando o Ano Mariano instituído para a Igreja do Brasil. Por uma missão especial recebida de Deus, Ana e Joaquim colaboram diretamente para a vinda de Maria ao mundo, que na plenitude dos tempos gerou o Salvador da humanidade”.  
 
Durante os oito dias de programação religiosa, as novenas e adorações serão às 16h30 e as celebrações eucarísticas às 17h30. No dia 25, às 19h, acontece o traslado da imagem peregrina para a Capela das Irmãs Doroteias, na Rua Gaspar Viana, 576. No dia de Sant’Ana, 26, missa às 6h30, também na Capela das Irmãs Doroteias, com  a presença da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré. Nesse mesmo dia, missas às 8h e 12h, na própria igreja de Sant’Ana. Na missa das 17h30, acontece a tradicional bênção dos avós. 
Para o dia 29, está programada a procissão de Sant’Ana e São Joaquim, às 10h, pelas ruas do Comércio. Ao meio-dia, celebração eucarística. 
 
No domingo, 30, festa de Sant’Ana e São Joaquim, missa na Capela do Colégio Dom Bosco, na Travessa Benjamin Constant. Às 9h, missa solene de encerramento da festividade, presidida pelo cônego Joel de Oliveira. No período da festividade, pela manhã e à tarde vendas de comidas típicas, lanches e artigos religiosos. 
 
Padroeira dos avós

Sant’Ana é a padroeira dos avós. Mas também é invocada pelas mulheres que não conseguem engravidar. É padroeira também da educação, por ter educado Nossa Senhora e influenciado profundamente na educação de Jesus. A devoção a Sant’Ana e São Joaquim, avós de Jesus, é muito antiga. No século VI essa devoção já estava enraizada entre os fiéis do Oriente. No Ocidente, ela remonta ao século VIII. 
 
Em 710, as relíquias da avó de Jesus foram levadas de Israel para Constantinopla e, de lá,  distribuídas para várias Igrejas. A maior dessas relíquias ficou na Igreja de Sant’Ana, em Durem, Alemanha. No ano de 1584, o Papa Gregório XIII fixou a data da festa de Sant’Ana em 26 de julho. Na década de 1960 o Papa Paulo VI juntou a essa data a comemoração de São Joaquim. Por isso, no dia 26 de julho comemora-se também o “Dia dos Avós”. 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade