DATA DE PUBLICAÇÃO: 14/07/2017
- Diminuir + Aumentar

Assim na terra como no céu ...: Um livro

 
A nossa vida é um livro; cada dia, uma página. Mas a vida também é uma “caixa de surpresas”, observou-me um amigo. E ele tem razão. É bem verdade que muitas surpresas acontecem em nossa vida. Agradáveis umas;
desagradáveis outras! Trazem alegrias; por vezes, tristezas! Algumas breves, outras duram muito tempo!

E, quando são do primeiro grupo, queremos que nunca terminem, mas, se são do segundo, gostaríamos que nunca tivessem acontecido ou que acabem o quanto antes! Nem sempre e nem tudo o que gostaríamos acontece como pensamos e planejamos. Frequentemente precisamos corrigir rota, mudar planos, aceitar imprevistos, superar dificuldades. Nesta complexidade do dia-a-dia, importante é a capacidade de aceitação das circunstâncias e dos fatos. Ter consciência de que não somos nós que decidimos tudo é fundamental para podermos sintonizar nossa vida com a vontade de Deus. Dizem os mestres espirituais clássicos que existe a vontade de Deus que se manifesta de modo ordinário, isto é, na Palavra de Deus, nos deveres do próprio estado de vida, nos compromissos assumidos responsavelmente, e existe também a vontade de Deus que se manifesta nos acontecimentos e circunstâncias imprevistas e – justamente por isso- para nós são surpresas. Objetivamente falando, sempre é vontade de Deus fazer o bem e evitar o mal. É o que nos dita a voz de Deus no santuário da nossa consciência. Em casos de dúvidas é melhor ter, sempre que possível, um colóquio com alguém que possa ajudar. É muito útil fazer a si mesmo esta pergunta: O que faria Jesus, se estivesse em meu lugar, aqui e agora, nesta situação?
 
Virgem do Carmelo, Mãe e Rainha, rogai por nós!
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade