DATA DE PUBLICAÇÃO: 04/08/2017
- Diminuir + Aumentar

Mater ecclesiae: Anos Marianos -2

 
Para a estreita relação entre estes dois dogmas, sendo solenemente promulgada e colocar em sua luz adequada da Assunção da Virgem ao céu que é como a coroa e complementar o outro privilégio mariano-, tem manifestado a grandeza a harmonia mais sábio e esplendor desse plano divino, segundo a qual Deus quis que a Virgem Maria era imune de toda a mancha do pecado original. Portanto, com estes dois privilégios distintos concedidos à Virgem, ambos os primórdios da sua peregrinação na terra como o crepúsculo de sua vida iluminada com flashes da luz brilhante; a inocência perfeita de sua alma limpa de qualquer mancha, é conveniente e admirável glorificação maior de seu corpo virginal assim; e ela era o mesmo que o seu Filho único unidos na luta contra a serpente infernal, de modo juntamente com ele participou do glorioso triunfo sobre o pecado e suas consequências tristes. Digna celebração reta.
 
Naquele ano foi exposto e solicitou que o Dogma da Imaculada fosse difuso com tanta profusão e autoridade em cada diocese do mundo, através de sermões, conferencias, estudos, publicações cientificas e /ou pastorais. Para o culto verdadeiro e católico rendido à Virgem Maria, em capelas ou altares localizados em cada cidade e atividades públicas e privadas devendoassim fazer em honra da Virgem Maria com peregrinações aumentando a devoção mariana que fosse uma devoção especial, especialmente o Santuário de Nossa Senhora de Lourdes e Basílica de Santa Maria Maggiore, em Roma. No o final do ano mariano, o papa coroa a“Salus Populi Romani” na Basílica de São Pedro”.  
 
Até nossa próxima edição com os dois anos marianos de São João Paulo II.
 
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade