DATA DE PUBLICAÇÃO: 11/08/2017
- Diminuir + Aumentar

Círio: assunto do “Programa Estrelas”

 
 
Sexta-feira, 4, pela manhã, a Basílica Santuário de Nazaré recebeu a visita da apresentadora Angélica, da Rede Globo, que esteve em Belém durante a semana para gravação da nova temporada do programa Estrelas.
 
 
 
O novo formato do programa, intitulado “Estrelas do Brasil”, mostrará atores, cantores, artistas, cozinheiros e pessoas que fazem sucesso nas diferentes regiões do país. O Estado do Pará, na região Norte, foi a primeira parada para as gravações. O programa que terá cinco partes somente sobre Belém está com estreia prevista para o dia 26 deste mês.

Dentre as diversas abordagens sobre Belém, a temática do Círio de Nazaré não poderia ficar de fora e deve contar com um programa específico mostrando os preparativos para a grande festa dos paraenses. Na Basílica a apresentadora esteve ao lado da cantora paraense Fafá de Belém e do ator Eriberto Leão.
 
Angélica visitou o interior da Basílica, o Espaço Memória de Nazaré, o local que abriga a Imagem Peregrina e a exposição Mini Círio, montada na Praça Santuário. Após a visitação, Padre Luiz Carlos Nunes Gonçalves, Reitor da Basílica Santuário de Nazaré e Presidente da Diretoria do Círio, presenteou a artista com uma réplica oficial da imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré.
 
Diretoria da Festa de Nazaré preparou-se para as gravações

Devido às gravações a Diretoria da Festa de Nazaré (DFN) montou uma programação especial para enriquecer o cenário e mostrar os preparativos para o Círio, sob a responsabilidade da curadora do espaço Memória de Nazaré, Darcilene Costa, e Daniela Souza, esposa de Roberto Souza, Diretor Coordenador da DFN.
 
A Diretoria de Decoração do Círio, representada pelo Casal Pedro e Cláudia Hage, cuidou da ornamentação dos espaços que serviram de set de filmagem. O designer e paisagista Paulo Morelli, que este ano mais uma vez será responsável pela ornamentação do andor e da berlinda de Nossa Senhora de Nazaré, foi convidado para cuidar da decoração para a gravação.
 
Na Praça Santuário foi montada a Exposição do Mini Círio e painéis fotográficos mostraram registros das 12 romarias oficias do Círio. O Espaço Memória de Nazaré foi repaginado e recebeu mais mantos utilizados pela imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré em Círios ao longo da história da romaria. 
 
A Casa de Plácido também foi organizada, contando com a exposição de quadros pintados por reclusos do Sistema Penal do Estado do Pará (SUSIPE), resultado do concurso Libert´Art, organizado pela Pastoral Carcerária da Arquidiocese de Belém. Buscando integrar a regionalidade, para recepcionar a apresentadora Angélica e sua equipe técnica, os espaços foram perfumados com cheiro-do-Pará.
 
Exposição Mini Círio - Organizada por Darcilene Costa há 14 anos, a mostra retrata o percurso do Círio de Nazaré, com figuras representativas da grande romaria como a Berlinda, os carros de promessas, os devotos, a Basílica Santuário e a Catedral de Belém.
 
Oito mil peças de miriti fazem parte da exposição, confeccionadas por artesãos do município de Abaetetuba, região nordeste do Pará. O acervo foi oficializado em 2017, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) na categoria de obra única como instalação no Brasil. A mostra já percorreu várias capitais brasileiras, incluindo a capital federal Brasília, onde foi exposta na sede do Senado, em 2007.

História do Círio de Nazaré|

Angélica também entrevistou o jornalista e escritor João Carlos Pereira, que falou sobre a história da Festa de Nazaré e do achado da imagem por Plácido, em 1700. Ao final da gravação, João Carlos presenteou Angélica com livros de sua autoria e também da escritora Mizar Bonna, que contam a história do Círio. 
 
Imagem Peregrina -Acompanhada do padre Luiz Carlos Nunes Gonçalves, Reitor da Basílica Santuário, Angélica pôde ver de perto o local na Basílica Santuário onde a imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré permanece durante o ano, quando não está em visita. Ali, todos fizeram uma oração na presença da imagem Peregrina. A visitante disse sentir-se emocionada em poder ver de perto a imagem que é levada todos os anos no Círio: “Saber que ela atrai tantos olhares e que une mais de dois milhões de pessoas na mesma fé...é um privilégio poder estar aqui neste lugar tão especial”, afirmou Angélica.
 
Manto do Círio - Um dos assuntos que despertou a curiosidade da produção do programa foi o manto oficial que veste a imagem Peregrina e sua produção. Por isso, Angélica também pôde visitar a estilista Marilza Ramos, que a recebeu em sua casa, junto com Roberto e Daniela Souza, que entregaram-lhe presentes. 
 
Marilza falou da missão de adornar pelo segundo ano consecutivo a Rainha da Amazônia, mas manteve segredo sobre o manto para este ano, já em fase de produção e guardado com todo sigilo até os dias que antecedem a festa. A estilista também presenteou Angélica com um manto especificamente produzido para a imagem que a apresentadora recebeu de presente do Reitor da Basílica Santuário.
 
A Basílica Santuário agradeceu a visita de Angélica e de toda a sua equipe técnica em nome da Paróquia de Nazaré, dos Padres Barnabitas, da Diretoria da Festa e dos devotos de Nossa Senhora de Nazaré pelo seu interesse em mostrar ao Brasil a grande festa da Rainha Amazônia.
 
 
Obra de artesão de Curuçá foi destaque

Danilo Ferreira, artesão do município de Curuçá, nordeste do Estado, foi entrevistado por Angélica no Espaço Memória de Nazaré. Duas peças do artesão fazem parte mostra permanente. As mesmas foram confeccionadas especialmente para a mostra e doadas pelo artesão, sendo uma a réplica da Basílica Santuário e a outra um manto que adorna a réplica da imagem Peregrina de Nossa Senhora de Nazaré. O trabalho feito com talos de açaizeiro coletados nas áreas de várzea do município e foi destaque na gravação. Danilo preparou um manto especialmente para presentear a apresentadora.
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade