DATA DE PUBLICAÇÃO: 08/09/2017
- Diminuir + Aumentar

Lançado pela CNBB subsídios para o mês da Bíblia

 
Com informações da agência Gaudium Press. Dois subsídios de apoio aos fiéis que desejam celebrar o Mês da Bíblia, em setembro, foram disponibilizados pela Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB.
 
O texto-base segue a temática e o lema do Mês da Bíblia 2017, que são: “Para que n’Ele nossos povos tenham vida” e “Anunciar o Evangelho e doar a própria vida” (cf. 1Ts 2,8), respectivamente.
 
Segundo Dom José Antônio Peruzzo, presidente da Comissão, a inspiração do tema é oriunda do Documento de Aparecida de 2007, intitulado “Discípulos missionários de Jesus Cristo, para que n’Ele nossos povos tenham vida”.
 
Este, conforme o prelado, é um convite para conhecer Jesus e sua proposta de vida e partilhá-la com as demais pessoas. “O Documento de Aparecida estabelece essa conexão entre discipulado e missão com duas faces da mesma moeda. O discipulado leva necessariamente à missão e a missão se alimenta do discipulado”.
 
O livro escolhido para refletir no mês de setembro está associado à memória de São Jerônimo, tradutor da Bíblia para o latim e modelo de divulgador dos estudos bíblicos, uma vez que a obra se insere no contexto da atual realidade brasileira e da caminhada da Igreja no Brasil.
 
“Naturalmente, o chamado Mês da Bíblia significa Ano da Bíblia, e até mesmo a caminhada contínua da Bíblia, no sentido que não se pode limitar a um tempo determinado”, afirmou Dom Peruzzo.
 
Além disso, o subsídio traz uma explicação do tema e lema do mês da Bíblia e apresenta o contexto atual do mês, com alguns eventos que marcam a conjuntura do ano de 2017 em âmbito eclesial.
 
Também como forma de apresentação ao tema e ao lema, há uma apresentação do apóstolo São Paulo e seu método missionário.
 
Já o outro subsídio de apoio, também ofertado pela Comissão, é um roteiro de encontros bíblicos.
 
No total, o material possui cinco encontros, que tem a finalidade de ajudar as comunidades, grupos de famílias, grupos de reflexão, círculos bíblicos, que buscam orientar-se na luz da Palavra de Deus.
 
Para o assessor da Comissão, Padre Antonio Marcos Depizzoli, os encontros ajudarão a meditar o testemunho dos cristãos de Tessalônica, os sofrimentos de vida e a presença fraterna dos irmãos em comunidade.

“Acolhamos a graça desse tempo e deixemos que a Palavra soe em nosso coração e ressoe a partir do coração!”.
 
 
 

Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade