DATA DE PUBLICAÇÃO: 06/10/2017
- Diminuir + Aumentar

Arquidiocese anuncia devolução de imóvel pela União

 
Na manhã de quinta-feira, 5, foi assinado o protocolo de intenções entre Arquidiocese de Belém e Governo Federal de devolução de um imóvel para a Igreja de Belém.  Esteve presente Dom Alberto Taveira Corrêa, Arcebispo Metropolitano de Belém, e o presidente da República, Michel Temer, e demais autoridades civis.  
 
O processo de aquisição do imóvel é uma demanda que vem desde os idos de 1849 e 1850, quando passou a ser administrado pelas Forças Armadas. Mais recentemente, cerca de três anos atrás, a Arquidiocese de Belém havia realizado novas tentativas para que a área fosse outra vez posta à disposição do conjunto arquitetônico de Nazaré. Foi então que uma ação conjunta da bancada federal, composta por deputados e senadores do Estado do Pará, conseguiu a verba de bancada, algo em torno de 43 milhões,  já repassados ao Exército.
 
O imóvel, situado na Avenida Gentil Bittencourt, esquina da Travessa 14 de Março, está provisoriamente ocupado por uma unidade do Comando do Exército. Para Dom Alberto, o anúncio, feito às vésperas do Círio de Nazaré, torna clara a providência de Deus: “Graças a Deus houve a compreensão da bancada de deputados e senadores do Estado que, em bloco, todos se dispuseram a conseguir essas verbas de bancada e nós pudemos então indenizar, digamos assim, o Exército. E agora, exatamente neste clima do Círio, nós teremos a assinatura do documento que nos possibilita ocupar a área que o Exército tem a clareza de deixar à disposição da Arquidiocese.”
 
Centro de eventos
 
Um dos projetos para a área, segundo Dom Alberto, será a construção de um centro de eventos com estrutura adequada para a acolhida dos romeiros e peregrinos que, no mês de outubro chegam para a grande festa de Nazaré: “Nós sonhamos e sonhamos alto, porque tudo no Círio deve ser alto. Sonhamos com um espaço para 4 a 5 mil pessoas, utilizável durante os grandes  eventos da Arquidiocese e em grandes celebrações e, é claro, para o Círio. Com toda a infraestrutura que desejamos edificar, servirá para acolher mais e melhor todas as pessoas que vêm para o Círio de Nazaré.”
 
O Ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, intermediou junto ao Ministério do Planejamento e da Defesa a pedido do Arcebispo Metropolitano, para a efetivação da devolução.
 
“Depois de três anos em que esse processo adormecia em Brasília, finalmente estamos festejando. Na próxima semana a Igreja estará assinando o protocolo de intenções viabilizando a cessão da área por tempo indeterminado, para que a Igreja possa utilizá-lo devidamente, fazendo com que aquele espaço esteja integrado ao complexo arquitetônico de Nazaré e a toda a estratégia de ampliação e de divulgação do Círio de Nazaré”, afirmou o ministro.
 
Protocolo de intenções
 
O acordo que autoriza a devolução do imóvel foi celebrado nesta quinta-feira, 5, entre a Arquidiocese de Belém e o Governo Federal. O evento contou com a presença do presidente Michel Temer, do Arcebispo Metropolitano e dos Ministros do Planejamento, da Integração e da Defesa e demais autoridades civis.
 
No dia da assinatura, Dom Alberto disse que “Nós desejamos que este espaço signifique a acolhida da Igreja, da Basílica, do Círio, à todas as pessoas que vem até nós”.
 
O presidente da República afirmou que, mais que um ato administrativo, a cessão ilimitada do imóvel para a Arquidiocese tratava-se de um ato religioso na media que religa as pessoas a festa do Círio de Nazaré: “Espera-se agora um espaço muito maior a acolher, eventualmente, aqueles que aqui compareceram”.
 
 
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade