DATA DE PUBLICAÇÃO: 25/10/2018
- Diminuir + Aumentar

Ações para o Dia Nacional da Juventude

 
 
A Arquidiocese de Belém através do Setor Juventude realiza o Dia Nacional da Juventude (DNJ)  de 17 a 18 de novembro em cada uma das sete Regiões Episcopais da Arquidiocese de Belém. O evento ocorre sob a luz do tema “Juventude construindo uma cultura de Paz” e o lema “Disse estas coisas para que em mim vocês tenham paz, terão aflições, contudo tenham coragem. Eu venci o mundo” (Jo 16, 33). A programação terá momentos formativos e celebrativos.
 
O Dia Nacional da Juventude (DNJ) é uma atividade festiva e formativa juvenil anual e nacional, cujo foco é a reflexão de uma importante temática a luz da proposta da Campanha da Fraternidade do ano em curso, que é “Fraternidade e superação da violência” e o lema “Vós sois todos irmãos”. Em Belém, o evento ocorre após os festejos do Círio de Nazaré, com a proposta de um Dia Nacional da Juventude missionária por região episcopal, em virtude da realidade sócio-cultural juvenil local, iluminados pelo Sínodo dos Bispos, que este ano está voltado para a juventude, o Ano do Laicato e a preparação para Sínodo da Amazônia em 2019. 
 
Entre os objetivos do DNJ estão promover processos educativos missionários; desenvolver a criticidade nas lideranças juvenis católicas das regiões; aprofundar o debate sobre o protagonismo juvenil sadio; consolidar uma pastoral juvenil orgânica atenta as demandas locais; despertar as lideranças para uma perspectiva ecumênica; animar uma igreja com rosto jovem e em saída para as periferias e colaborar nos festejos dos 300 anos da arquidiocese de Belém.
 
Para o coordenador do Setor Juventude da Arquidiocese de Belém, Henrique de Azevedo,  a proposta de um DNJ missionário é desafiador, uma vez que serão visitadas as áreas missionárias das sete Regiões Episcopais: “O tema nos desafia na construção da cultura da paz. Vivemos na Região Metropolitana marcada pela violência infanto-juvenil e, um DNJ que vai trabalhar diretamente aquilo que queremos, a construção de uma cultura de paz dentro da nossa sociedade é extremamente desafiador e, ao mesmo tempo, motivador para as nossas ações de evangelizadoras na comunidade que pertencemos”. 
 
O evento ocorre em duas etapas. A primeira, no dia 27, na Cúria Metropolitana de Belém, às 14h30, voltada para as expressões juvenis e conselhos juvenis locais. Esta etapa consta de atividades motivacionais e temáticas, facilitadas por Dom Antônio de Assis Ribeiro, um dos bispos auxiliares de Belém. A segunda, em dois dias, sendo a primeira no dia 17 de novembro, em caráter formativo, no local a ser definido por cada uma das Regiões Episcopais, quando a juventude é convocada a refletir e debater o tema proposto, e, no dia 18 de novembro, ocorre a ação prática Dia Missionário e Celebrativo, quando as residências  da áreas missionárias das sete Regiões Episcopais serão visitadas.  
 
Histórico 
 
O Dia Nacional da Juventude surgiu em 1985, durante o Ano Internacional da Juventude, promovido pela Organização das Nações Unidas (ONU), em um contexto de mobilizar os jovens para construção de espaços de participação onde fossem estimulados a pensar, repensar e articular-se para construção de uma nova sociedade.



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade