DATA DE PUBLICAÇÃO: 20/02/2020
- Diminuir + Aumentar

Missa marca lançamento do livro “Retiro Popular”

Foto: Luiz Estumano. 
 
O Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Alberto Taveira Corrêa, presidiu domingo, 16, às 7h, na Catedral de Belém, a Santa Missa em Ação de Graças. Na ocasião o Arcebispo lançou o livro “Retiro popular”, de sua autoria, e também presidiu a posse da Coordenação Arquidiocesana das Guardas Paroquiais. Após a Missa, houve o lançamento do livro no Salão dos Pontificais, onde Dom Alberto autografou a obra para os presentes que adquiriram seu exemplar.
 
Padre Rangel Campos, pároco da Paróquia Santo Afonso Maria de Ligório, na Pratinha, e também  coordenador da Guarda Arquidiocesana, e padre Cristiano José Soares Sanches, pároco da Paróquia Divino Espírito Santo na Asa Norte, Brasília, em visita à Arquidiocese de Belém, participaram da celebração eucarística.
 
O Arcebispo saudou padre Cristiano e destacou a presença do padre Rangel: “Minha saudação ao padre Rangel que faz desse trabalho de agregar as guardas paroquiais uma linda experiência de evangelização em nossas igrejas da Arquidiocese de Belém”.
 
Dom Alberto presidiu a liturgia explicando aos fiéis que a Ação de Graças era pela oportunidade de disponibilizar para a Igreja, mais uma vez, o livro “Retiro popular”, na 27ª edição, intitulado “Edificar a Igreja”. A obra é um roteiro para bem viver a Quaresma.
 
O Arcebispo informou ainda que o tema deste ano associa-se ao tempo sinodal que ora vive a Igreja de Belém: “escolhi esse tema ‘edificar a igreja’, porque quis que o retiro popular fosse escrito a partir do ângulo da Arquidiocese de Belém, uma igreja de portas abertas”.
 
O “Retiro popular” é editado pela Editora Canção Nova e disponibilizado para todo o povo de Deus, mas é na Arquidiocese de Belém que Dom Alberto centraliza a divulgação da reflexão quaresmal. “É uma proposta de roteiro para que possamos viver bem este período em que a Igreja nos convida a nos voltarmos mais para as coisas de Deus, buscando mais a conversão pessoal em preparação à Páscoa de Nosso Senhor”. 
 
E acrescentou: “se o retiro popular pode ser oferecido a todas as pessoas do Brasil e do mundo, mas ainda para a nossa igreja, que quer contribuir para que, vivendo a Quaresma, preparando a Páscoa, vivendo o nosso batismo nós possamos, de verdade, ajudar a edificar uma igreja, que seja essa igreja de portas abertas para que todos se sintam chamados a vir à Igreja de Cristo”.
 
Foto: Luiz Estumano.
 

Manhã de autógrafos

O lançamento do livro teve início com a Santa Missa. Ao final da liturgia, o Cura da Sé, cônego Roberto Cavalli, anunciou para os fiéis que o lançamento da obra seria no Salão dos Pontificais. Nele,  às 8h, o Arcebispo Dom Alberto iniciou a sessão de autógrafos da obra cujo conteúdo tem base em passagens bíblicas, a Via Sacra, meditações e orações para vivenciar bem a Quaresma que se inicia no dia 26 de fevereiro. “Muito obrigado a Dom Alberto, por este presente que ele nos entrega para vivermos bem esta Quaresma. E por todo o seu esforço, rezemos por ele uma Ave-Maria”, disse cônego Roberto.
 
O “Retiro popular” é difundido por Dom Alberto desde 1992, quando o escreveu para a Arquidiocese de Brasília, da qual bispo auxiliar. A partir de 1997 passou a editá-lo a convite da Editora Canção Nova.
 
A proposta de Dom Alberto no livro passa por um retiro pessoal com privilegiado espaço para o aprofundamento espiritual para a Páscoa do Senhor. Não basta apenas ler o livro. O autor sugere ao leitor também a récita do rosário da Virgem Maria, a oração da Campanha da Fraternidade 2020, como um roteiro que pode levá-lo a um encontro especial com a Palavra de Deus.
 
Antônia Costa, paroquiana da Paróquia do Divino Espírito Santo, na Cidade Nova 8, afirma: “o Retiro Popular é uma leitura excelente, que nos direciona a uma espiritualidade toda própria para vivermos a Quaresma. Sempre adquiro o meu livro para me preparar melhor para a Páscoa".
 
O “Retiro Popular” é um projeto de evangelização de Dom Alberto, cuja renda ele destina todos os anos à manutenção da Fundação Nazaré de Comunicação, instituição que sustenta com seus veículos de comunicação toda a obra de evangelização da Arquidiocese de Belém. Palavras suas: “como eu sempre faço, os frutos da venda desses livros são para a Fundação Nazaré de Comunicação, para nós evangelizarmos cada vez mais”.
 



Outras notícias
2010 fundacaonazare.com Todos os direitos reservados. Política de privacidade